FFM » News

..: Notícias :..

25/04/2011
Empresas que prezam o desenvolvimento sustentável

Cada vez mais os índices atrelados às ações nas bolsas de valores movimentam o mercado financeiro na busca por novas métricas que possibilitem a distinção daquelas empresas que fazem algo diferenciado pela economia, sociedade e meio ambiente em comparação às demais. Como exemplo claro desta nova filosofia destacam-se o Dow Jones Sustainability Index (DJSI) e o Índice de Sustentabilidade Empresarial da BM&F BOVESPA (ISE). O ISE é um índice que mede o retorno total de uma carteira teórica composta por ações de empresas com reconhecido comprometimento com a responsabilidade social e a sustentabilidade empresarial. A preocupação com o Meio Ambiente é um caminho sem volta. Todas as empresas, de qualquer porte, devem fazer algo pelo ambiente e pelas pessoas que estão em seu entorno. Por este motivo é que o tema Desenvolvimento Sustentável tem sido tão debatido. A Fundação Fritz Müller, de Blumenau, sempre à frente, promove nesta quinta-feira, dia 28, o Seminário Sustentabilidade e Sobrevivência das Organizações: desafios e propostas.

3milhões de garrafas PET reutilizadas
Uma das empresas participantes é a Fujiro, de Blumenau, que apresentará a sua filosófia de trabalho voltada para a produção de artigos ecologicamente corretos. A empresa está com seis anos e já retirou do meio ambiente mais de três milhões de garrafas pets. Elas foram usadas como matéria-prima para a confecção de camisetas e eco-bags. A empresa é especialista em artigos promocionais desenvolvidos com sustentabilidade.

A apresentação do case será feita por uma das sócias da Fujiro, Ana Paula de Oliveira Sedrez. Sua carreira profissional tem como destaque a atuação durante sete anos na Santana Screen, empresa de confecção de camisetas promocionais. Em 2006, em busca de novos desafios, Ana fundou, juntamente com o marido, Bruno Sedrez, a Fujiro Ecotextil. Com foco em produtos sustentáveis, a empresa cresceu de forma planejada. A empresa que, começou em um quarto de apartamento, hoje está instalada em uma sede de 800 metros quadrados. Essa trajetória de sucesso rendeu importantes prêmios, entre eles o Gustavo Salinger, em 2009, pela Acib, e o destaque da Revista Pequenas Empresas Grandes Negócios que, entre 300 empresas, apresentou a Fujiro como uma das 10 mais empreendedoras do Brasil. A nova aposta da Fujiro é o segmento de varejo.
Além da Fujiro, serão apresentado os cases da Embraco, de Joinville, e da Landis + Gyr, de Curitiba. A mediação será feita pela LCG Consultoria, de Balneário Camboriú.

Desenvolvimento Social
Define-se por Desenvolvimento Sustentável um modelo econômico, político, social, cultural e ambiental equilibrado, que satisfaça as necessidades das gerações atuais, sem comprometer a capacidade das gerações futuras de satisfazer suas próprias necessidades. Esta concepção começa a se formar e difundir junto com o questionamento do estilo de desenvolvimento adotado, quando se constata que este é ecologicamente predatório na utilização dos recursos naturais, socialmente perverso com geração de pobreza, politicamente injusto com concentração e abuso de poder, culturalmente alienado em relação aos seus próprios valores e eticamente censurável no respeito aos direitos humanos e aos das demais espécies. “Temos exemplos de empresas que já se destacam por suas ações em prol do respeito ao meio ambiente e ao social. Mas ainda é necessário debater bastante o assunto e estudar formas de implantá-lo como a única forma de sobrevivência para as gerações futuras”, declara a diretora da Fundação Fritz Müller, Janete Bachmann.

Desenvolvimento x valor monetário
A importância das preocupações empresariais com questões ligadas ao desenvolvimento sustentável como um todo (e não somente com o meio ambiente) faz se notado na medida em que os novos acionistas do mercado global de ações estão levando em consideração a sobriedade da gestão da empresa nos aspectos sustentáveis, e fazendo deste um dos fatores de escolha para compra. Nesse sentido, o ISE tem por objetivo refletir o retorno de uma carteira composta por ações de empresas com reconhecido comprometimento com a responsabilidade social e a sustentabilidade empresarial, e também atuar como promotor das boas práticas no meio empresarial brasileiro, transparecendo o verdadeiro sentido de sustentabilidade.

Serviço:
Seminário Sustentabilidade e Sobrevivência das Organizações: desafios e propostas
Quando: dia 28 de abril, das 17h às 21h
Onde: Fundação Fritz Müller
Informações: (47) 3340-0566

Fonte: New Age Comunicação.

Share |

..: Outras Notícias :..

  • 11/01/2013
    FDC em SC - Especialização em Gestão de Negócios e Especialização em Marketing...
    Leia mais
  • 20/12/2012
    Blumenau ganhará 09 cadeiras de rodas...
    Leia mais
  • 17/12/2012
    Feliz Natal...
    Leia mais
  • 05/12/2012
    Parceria entre FFM e CEJESC oferece “Academia de Líderes” para jovens empreendedores...
    Leia mais
  • 30/11/2012
    Cejesc realiza “Academia de lideres” em parceria com Fundação Fritz Müller ...
    Leia mais
  • ..: Todas as Notícias :..

 

                                                                                                                                            Início